Enquanto isso, lá fora… Julho a Setembro/2013

Tempo de leitura: 6 minutos

As melhores notícias sobre veículos elétricos dos últimos meses… fora do Brasil!

Nissan também vai apostar em rival do Twizy
A montadora japonesa está trabalhando um projeto que pode ser baseado no conceito Land Gliber, lançado no Salão de Tóquio de 2008.
Montadoras se unem para padronizar recarga de elétricos no Japão
A medida visa reduzir custos e ampliar a rede de pontos de recarga para os consumidores.
Nissan Leaf tem demanda maior que a oferta nos EUA
Com capacidade até 25.000 carros por ano, o Nissan Leaf deslizou lentamente no mercado americano até que conseguiu se estabilizar nos 2.000 por mês. No entanto, parece que o consumidor deixou suas preocupações de lado e passou a ter bons olhos para com o médio japonês. Assim, a demanda subiu e as filas de espera já têm mais de três meses.
Renault-Nissan comemora venda de 100.000 elétricos em todo o mundo
Ao todo, a frota elétrica da Renault-Nissan já percorreu 841 milhões de km sem emissão de CO2 ou em torno de 20 mil vezes a circunferência da Terra. Foram poupados 53 milhões de litros de combustível e 124 milhões de quilos de CO2.
Honda vai começar testes com conceito urbano Micro Commuter no Japão
O modelo é uma nova proposta de mobilidade urbana sustentável e ecológica para o consumidor japonês. O veículo será pensado para serviços de car sharing, condutores idosos, casais sem filhos e serviços comerciais.
Now, the Andretti family is set to take its storied legacy into the future, by announcing that the family’s Andretti Autosport team would be America’s first official entry in the upcoming Formula E electric racing series!
Tesla Model S engole 8,4% do mercado de luxo nos EUA
O elétrico do Vale do Silício conseguiu em seis meses ultrapassar os luxuosos alemães Audi A8, BMW Série 7 e Mercedes-Benz Classe S em vendas.
Reino Unido quer declarar o fim dos carros a gasolina e diesel em 2040
A proposta é de se proibir a circulação de carros movidos por gasolina e diesel em todo o país, mas com exceção lógica dos carros elétricos e híbridos do tipo plug-in.
“Battery swapping is not a practical solution due to size/safety etc. More importantly though, this is not our aim. Formula E aims to develop the battery duration and the charging side, as well as the drivetrain motors to eventually only have one car per driver and longer races. In short we want to push the technological boundaries of what is currently achievable rather than use a temporary measure.”


Even better is the tremendous growth that 100% electric vehicles (the greenest of the bunch) have seen. Compared to July 2012, sales are up 529%, and compared to YTD 2012, sales are up 522%.
Se de fato atingir esse objetivo, a Tesla será a primeira fabricante a ter um veículo autônomo produzido em série, superando empresas como Audi, Mercedes-Benz, Nissan e até o Google, que também trabalha em pesquisas neste campo.
BMW inicia produção do elétrico i3 na Alemanha
Com investimento de € 400 milhões, a BMW emprega 800 trabalhadores para produção do i3. Além disso, a nova instalação também é eficiente do ponto de vista ecológico, já que reduziu em 50% o uso de energia elétrica e 70% o consumo de água. Uma estação eólica atende a demanda da fábrica.
Land Rover anuncia projeto Evoque-e
O projeto Evoque_e é composto por 12 empresas parcerias e três protótipos serão feitos, sendo que cada um explorará um capo diferente da pesquisa. Um deles será híbrido leve, outro um híbrido plug-in e por fim, outro puramente elétrico.
Carro elétrico ultrapassará os 600 km/h
Com planos de ultrapassar os 600 km/h, o Venturi VBB-3 pretende com isso levar o recorde mundial de velocidade em um veículo movido apenas a energia elétrica. Um fato curioso é o nome do VBB-3, “Jamais Contente”, que vem do francês e significa exatamente o que expressa em português. Este foi também o nome do primeiro carro do mundo a alcançar 100 km/h, em 1899. Detalhe: o Jamais Contente do século XIX era 100% elétrico.
BMW lança seu primeiro Scooter elétrico
A C evolution acelera mais rápido que a maioria das scooters de 600 cilindradas ou mais. São necessários apenas 6,2 segundos para levá-la aos 100 km/h partindo da imobilidade. Na C evolution são oferecidos quatro modos de pilotagens diferentes, que variam a esportividade da moto assim como o consumo de energia da bateria. Esta que pode ser recarregada em uma tomada comum de 220 volts e necessita de quatro horas para “encher o tanque”. A autonomia é de 100 km.
As vantagens dos mini-táxis autônomos vem em enxurrada. Elétricos, eles não irão poluir o meio ambiente. Com os celulares tipo smartphone, basta agendar que o táxi livre mais próximo virá buscá-lo. Trânsito, procurar vaga, não descer na porta, ter altos custos de manutenção? Tudo isso vai ser coisa do passado.
Fornecedor da Tesla obrigado a duplicar produção
A empresa Sumitomo Metal, um dos fornecedores de componentes para baterias do Tesla Model S, foi obrigada a investir cerca de 48 milhões de dólares para duplicar a produção de óxido de lítio de níquel, de modo a responder às encomendas da berlina eléctrica.
Fórmula 1 elétrico estreia em Frankfurt
Vai começar uma nova era no automobilismo. A Renault expôs em seu estande no Salão de Frankfurt o monoposto SRT 01E, que correrá a “Fórmula E”, uma espécie de Fórmula 1 com carros elétricos. A primeira temporada da categoria vai começar em 2014 e o calendário prevê 10 corridas, incluindo uma etapa no Rio de Janeiro (RJ), em circuito de rua.
Com 85 mil m2, agora é o maior da América do Norte de propriedade e operado por uma montadora de automóveis. O laboratório de Michigan da GM tem sido responsável por testar e validar as baterias que equipam todos os seus veículos elétricos, incluindo as que são fonte de energia para os Chevrolet Volt e Spark EV, e para o Cadillac ELR.

Atualmente, o Kangoo elétrico representa quase 10% de todas as vendas do utilitário no continente. É também o carro elétrico mais vendido na França, onde conquistou cerca de 6 mil clientes corporativos.  A Renault vendeu três unidades do modelo para a Companhia Paulista de Força e Luz, a CPFL Energia
This legislation builds on the state’s efforts to help California’s electric vehicle market grow, including an Executive Order issued by Governor Brown that established a target of 1.5 million zero-emission vehicles on the road in California by 2025 and a number of other long-term goals.